Sobre nós

Governança Corporativa

A CPFL Renováveis é uma companhia de capital aberto e pertence à categoria "A" da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), tem suas ações admitidas à negociação em Bolsa de Valores e assume compromissos adicionais de governança, garante tratamento justo e igualitário a acionistas, colaboradores, clientes e fornecedores. Assim, em uma possível Oferta Inicial de Ações (IPO), a companhia estará apta a integrar o Novo Mercado da Bolsa de Valores de São Paulo (BM&FBovespa).

O Novo Mercado é segmento da Bovespa que reúne as empresas compromissadas com o mais elevado grau de governança corporativa. As exigentes regras de listagem deste segmento de mercado ampliam os direitos dos acionistas, melhoram a qualidade das informações prestadas e, ao determinar a resolução dos conflitos por meio de uma Câmara de Arbitragem, oferecem aos investidores a segurança de uma alternativa mais ágil e especializada.

Estrutura de Governança da Companhia

Conselho de Administração

O Conselho de Administração da CPFL Renováveis é o seu órgão de deliberação colegiada, composto por no mínimo 7 (sete) e no máximo 13 (treze) membros, eleitos pela Assembleia Geral, para um mandato unificado de 1 (um) ano. Suas atribuições são definidas no Estatuto Social, incluindo fixar a orientação geral dos negócios da Companhia, aprovar previamente as políticas empresariais e as estratégias de longo prazo da Companhia. As reuniões ordinárias do Conselho de Administração ocorrem bimestralmente, podendo, entretanto, ser realizadas com maior frequência, caso o Presidente do Conselho de Administração assim solicite.

Nome Cargo Data da posse Término do mandato
Presidente do Conselho 04.08.2016 27.04.2017
Vice-Presindente do Conselho 28.04.2016 27.04.2017
Conselheiro Independente 28.04.2016 27.04.2017
Conselheiro Efetivo 28.04.2016 27.04.2017
Conselheiro Efetivo 28.04.2016 27.04.2017
Conselheiro Efetivo 28.04.2016 27.04.2017
Conselheiro Efetivo 28.04.2016 27.04.2017
Conselheira Independente 28.04.2016 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017
Conselheiro Efetivo 16.02.2017 27.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 27.04.2017

Conselho Fiscal

O Conselho Fiscal da CPFL Renováveis é um órgão colegiado, eleito pela Assembleia Geral de Acionistas, de caráter permanente, composto por no mínimo 3 (três) a no máximo 5 (cinco) membros efetivos e igual número de suplentes, com mandato até a Assembleia Geral Ordinária seguinte à de sua eleição. Compete ao Conselho Fiscal da CPFL Renováveis, sem prejuízo de outras atribuições que lhe sejam conferidas em virtude de disposição legal ou por determinação da Assembleia Geral: fiscalizar os atos dos administradores e verificar o cumprimento dos seus deveres legais e estatutários, opinar sobre o relatório anual da administração e as propostas dos administradores a serem submetidas à Assembleia Geral, relativas às matérias previstas no Estatuto Social, denunciar erros e fraudes que descobrirem para aos órgãos da administração, convocar Assembleia Geral Ordinária, caso os administradores retardem sua convocação e Extraordinária, sempre que ocorrerem motivos graves ou urgentes, analisar o balancete e demais demonstrações financeiras elaboradas periodicamente pela Diretoria. É responsável também pela supervisão dos auditores independentes.

Membro Cargo Data da posse Término do mandato
Membro Efetivo 16.02.2017 28.04.2017
Membro Efetivo 28.04.2016 28.04.2017
Membro Efetivo (*) 28.04.2017
Membro Suplente (*) 28.04.2017
Membro Suplente (*) 28.04.2017
Membro Suplente 28.04.2016 28.04.2017

(*) eleição em 16/02/2017 e posse condicionada a autorização do Ministério do Trabalho.

Diretoria Executiva

A Diretoria Executiva da Companhia é um órgão colegiado composto por (i) um Diretor Presidente; (ii) um Diretor Financeiro e de Relações com Investidores, (iii) um Diretor de Operação e Manutenção; (iv) um Diretor de Engenharia e Obras; (v) um Diretor de Novos Negócios; e (vi) um Diretor de Relações Institucionais, que terão suas competências definidas pelo Estatuto Social.
A Diretoria Executiva é eleita pelo Conselho de Administração para um mandato de 2 (dois) anos, sendo permitida a reeleição.

Diretor Presidente e Diretor Financeiro e de Relações com Investidores (Interino) da CPFL Renováveis.

Formado em Administração de Empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte, com MBA em Administração Financeira pela Fundação Getúlio Vargas - FGV, MBA no Programa Executivo da Columbia Business School de Nova York e mestrado em Gestão Econômica de Negócios pela Universidade de Brasília - UnB. Trabalhou no Banco do Brasil no período de 2000 a 2014, tendo atuado, entre outras funções, como Diretor/Head no Banco do Brasil Securities em Nova Iorque, Gerente Geral de Relações com Investidores e Diretor de Controladoria. Desde maio de 2014, ocupava o cargo de Diretor Executivo na CSN, sendo responsável pelas áreas de controladoria, tesouraria, relações com investidores e tributário.

Diretor de Novos Negócios - Graduado em Ciências Econômicas pela PUC-Campinas, possui mestrado em Economia Política pela PUC-SP, e especialização em Gestão pela Harvard Business School. Atuou como Especialista em Planejamento Financeiro na Brasiliana Energia de 2006 a 2007 e como Analista de Mercado Sênior na CPFL Energia de 2002 a 2006. Ocupou o cargo de Gerente de Fusões e Aquisições e Desenvolvimento de Negócios de Energias Renováveis na CPFL Energia de 2007 até o início de 2011.

Diretor de Engenharia e Obras – Formado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal do Pará (UFPA) em 1997, com Mestrado em Energias Renováveis pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Na Vale desenvolveu carreira em O&M na planta de minério de ferro de Carajás, com participação em projetos de expansão (brownfield) de capacidade para até 85Mtpa (milhões de toneladas por ano) daquela unidade. Na MMX liderou projetos greenfield desde as etapas de engenharia até sua operação: Projeto Ferro Corumbá, MS e Projeto Ferro Amapá, AP. Pela empresa Manabi, liderou a engenharia industrial e de infraestrutura do mine site do Projeto Morro do Pilar, MG. Desde abril de 2015, Alberto lidera os processos de engenharia e construção de novos projetos na CPFL Renováveis.

Diretor de Operação e Manutenção - Graduado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Juiz de Fora desde 1998 e cursou MBA em Gestão Empresarial e Direção Estratégica na Fundação Getúlio Vargas em 2006. Possui 27 anos de experiência na área de geração de energia, adquirida em empresas de grande porte no segmento de Energia. De 11/2005 a 10/2008 foi Diretor de Operações – Grupo BRASCAN - Brascan Energética, sendo responsável pelo desempenho operacional das usinas no Brasil. De 04/2009 a 02/2013 foi Diretor de Operações do Grupo Energisa – Energisa Soluções, sendo responsável pelos resultados operacionais da empresa Energisa Soluções e pela gestão dos ativos de geração pertencentes ao Grupo Energisa. De 03/2013 a 11/2015 foi Diretor Executivo de Operações – Statkraft Energias Renováveis, sendo responsável pelas áreas de operação e gestão dos ativos de geração, envolvendo operação, manutenção e serviços, totalizando 350 MW consistentes em PCH, UHE, Biomassa e Parques Eólicos.

O Conselho de Administração da CPFL Renováveis é assessorado por dois comitês: Comitê Financeiro e Comitê Operacional (“Comitês”). Os Comitês são órgãos consultivos destinados a assessorar o Conselho de Administração em assuntos relacionados à Companhia, suas controladas e/ou coligadas e possuem funções técnicas e consultivas, e suas orientações e/ou sugestões não vinculam os votos dos Conselheiros de Administração. Os Comitês são compostos, cada um, por no mínimo 3 e no máximo 5 membros, os quais serão nomeados e destituídos pelo Conselho de Administração.

As competências e as regras de funcionamento de cada um dos Comitês são reguladas em Regimento Interno, devidamente aprovado pelo Conselho de Administração.

Comitê Financeiro

Diretor de Finanças Corporativas desde 2016. Ingressou na CPFL em 2005 atuando em Mercado de Capitais e Tesouraria com grande foco no gerenciamento da dívida e da liquidez do grupo CPFL. Tiago é formado em Economia pela Universidade de Campinas (Unicamp, 2004) e cursou MBA Executivo pela Fundação Dom Cabral (FDC, 2014). Membro do Conselho Fiscal da Centrais Elétricas da Paraíba desde 2015.

Diretor de Contabilidade e Planejamento Fiscal da CPFL Energia. Iniciou sua carreira na área contábil e fiscal. Atuou como Gerente de Auditoria na Arthur Anderson por quatorze anos. Em 2002 foi para a Deloitte Touche Tohmatsu como Gerente de Auditoria e Outsourcing e em Janeiro de 2004 ingressou no Grupo CPFL. Por dez anos atuou no Comitê Gestor da Fundação Cesp e atualmente faz parte do Conselho Fiscal da mesma Fundação. Sérgio é formado em Economia pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e em Contabilidade pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (PUCCAMP).

Diretor de Planejamento Financeiro e Controladoria da CPFL Energia. Atua na CPFL Energia desde 2003, passando pelas áreas de Relação com Investidores, Análise de Investimentos, Planejamento Financeiro e Controladoria. Vitor Fagali é Formado em Administração de Empresas pela PUC de Campinas. Cursou MBA em Finanças pela FGV. Atuou como Auditor na Arthur Andersen / Deloitte de 1999 a 2003.

Sócio da WPEC Investimentos responsável pela gestão dos investimentos do Grupo Dobrevê, participando do Comitê Estratégico e de Novos Negócios da Holding. Atuou por mais de 19 anos no mercado financeiro. Atuou de 2009 a 2013 como CFO da Dobrevê Energia S.A. (DESA), que atua no ramo de geração de energia elétrica, e no ano de 2014 como CEO da mesma companhia. Foi membro do Conselho de administração da DESA entre 2011 e 2014. Atualmente é Sócio da WPEC Investimentos responsável pela gestão dos investimentos do Grupo Dobrevê, participando do Comitê Estratégico e de Novos Negócios da Holding. É membro dos seguintes conselhos de administração: CPFL Renováveis e IMB Textil (Puket). Mestre em Administração de Empresas pela FGV, pós-graduado pela Universidade de São Paulo – FEA USP, tendo participado de diversos programas executivos de extensão, como Wharton Business School (Univ. Pennsylvania - Estados Unidos), Kellogg School of Management (Northwestern Univ. – Estados Unidos) entre outros.

Atual Diretor de Relações Institucionais da Argo Transmissão de Energia, o Sr. Márcio Severi possui 20 anos de experiência no setor elétrico. Foi Presidente Executivo da Abragel, pesquisador do CNPQ, proprietário da M7 Engenharia, gerente de projetos nas empresas Eletroriver, Araguaia Centrais Elétricas e Brasil PCH. Trabalhou na ERSA, nas áreas de engenharia, planejamento, novos negócios, regulação e comercialização de energia. Foi diretor Institucional, de Regulação, Comercialização de Energia e Sustentabilidade da CPFL Renováveis, período em que acumulou a presidência do Conselho de Administração da ABEEólica. É graduado em Engenharia Mecânica, com especialização em energia pela Universidade Federal de Engenharia de Itajubá – UNIFEI e MBA Executivo pelo Instituto de Ensino e Pesquisas – INSPER.

Comitê Operacional

Atual Diretor de Relações Institucionais da Argo Transmissão de Energia, o Sr. Márcio Severi possui 20 anos de experiência no setor elétrico. Foi Presidente Executivo da Abragel, pesquisador do CNPQ, proprietário da M7 Engenharia, gerente de projetos nas empresas Eletroriver, Araguaia Centrais Elétricas e Brasil PCH. Trabalhou na ERSA, nas áreas de engenharia, planejamento, novos negócios, regulação e comercialização de energia. Foi diretor Institucional, de Regulação, Comercialização de Energia e Sustentabilidade da CPFL Renováveis, período em que acumulou a presidência do Conselho de Administração da ABEEólica. É graduado em Engenharia Mecânica, com especialização em energia pela Universidade Federal de Engenharia de Itajubá – UNIFEI e MBA Executivo pelo Instituto de Ensino e Pesquisas – INSPER.

Diretor de meio ambiente do Grupo CPFL, no qual ingressou em 2008, seu principal papel é atuar como Guardião da Política de Meio Ambiente para as empresas do Grupo, onde atua na viabilização de premissas de Novos Negócios, operação do Sistema de Gestão Ambiental e Mudanças Climáticas, além de atuar como membro suplente do conselho de diversas SPEs e em associações Setoriais. Iniciou no setor elétrico em 2001 na Duke Energy, onde atuou como gerente na gestão estratégica e operacional de meio ambiente. Rodolfo é Graduado em Oceanografia na FURG, possui Mestrado e Doutorado pela UFV, na FGV concluiu Especialização em Negociação, MBA em Gestão de Pessoas e Gestão Empresarial, e possui Pós MBA em Inovação pela HSM.

Diretor Presidente da CPFL Geração, desde julho de 2015, é responsável pela operação dos ativos de geração hídrica e térmica do Grupo e pela gestão das questões regulatórias de geração. Trabalhou por 8 anos na consultoria alemã Roland Berger, onde foi responsável pela coordenação e execução de vários projetos em empresas do setor de energia, telecomunicações, automotivas, setor bancário e outras. Fernando trabalhou por 2 anos como Diretor de Planejamento Estratégico da Vivo. Neste período ele coordenou a elaboração e implementação do Plano Estratégico do Grupo, bem como seu desdobramento para toda a Organização. Por 6 anos, Fernando Mano foi o Diretor de Estratégia e Inovação do Grupo CPFL Energia, sendo responsável pelo desenvolvimento, implementação e acompanhamento do Plano Estratégico do Grupo, além de coordenar todas as ações de inovação da CPFL Energia. Em maio de 2014, assumiu a Diretoria de Planejamento Energético e Gestão de Contratos, onde foi responsável por todas as avaliações e projeções de cenário energético e crescimento de mercado e pela elaboração e discussão com o governo de propostas para os temas energéticos críticos no setor. Formado em Engenharia Mecânica-Aeronáutica pelo ITA - Instituto Tecnológico da Aeronáutica. Tem pós MBA em Gestão da Inovação pelo Insper e especialização no INSEAD na França.

Diretor de Comercialização e Regulação da Geração na CPFL Energia. Sua trajetória profissional está inserida no setor elétrico nacional, onde atuou na ARSESP – Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo, na CCEE – Câmara de Comercialização de Energia Elétrica desde 2002, participando da consolidação do mercado livre de energia no país. Em 2009 integrou-se ao Grupo CPFL, na CPFL Brasil e posteriormente, na ERSA, que com a associação de parte dos ativos da CPFL Geração, culminou na criação da CPFL Renováveis. Posteriormente atuou no ambiente regulatório e de comercialização do segmento de distribuição de energia. Rodolfo é formado em Engenharia Elétrica – UNIFEI, Bacharel em Direito e Mestre pela POLI-USP. Possui especialização no setor elétrico pelas universidades UNIFEI, USP e UNICAMP.

Sócio da WPEC Investimentos responsável pela gestão dos investimentos do Grupo Dobrevê, participando do Comitê Estratégico e de Novos Negócios da Holding. Atuou por mais de 19 anos no mercado financeiro. Atuou de 2009 a 2013 como CFO da Dobrevê Energia S.A. (DESA), que atua no ramo de geração de energia elétrica, e no ano de 2014 como CEO da mesma companhia. Foi membro do Conselho de administração da DESA entre 2011 e 2014. Atualmente é Sócio da WPEC Investimentos responsável pela gestão dos investimentos do Grupo Dobrevê, participando do Comitê Estratégico e de Novos Negócios da Holding. É membro dos seguintes conselhos de administração: CPFL Renováveis e IMB Textil (Puket). Mestre em Administração de Empresas pela FGV, pós-graduado pela Universidade de São Paulo – FEA USP, tendo participado de diversos programas executivos de extensão, como Wharton Business School (Univ. Pennsylvania - Estados Unidos), Kellogg School of Management (Northwestern Univ. – Estados Unidos) entre outros.